Em 28/04/2017 às 13h49

Campanha de refinanciamento de dívidas do Demsur segue até julho


Os usuários do Demsur que estão em dívida com a autarquia já podem renegociar seus débitos e obter descontos de até 100% sobre os valores de juros e multa. A oportunidade se dá por meio do novo programa de Recuperação Extraordinária de Créditos da Dívida Ativa Municipal (Refim). O objetivo é incentivar a população a quitar as taxas em atraso.

No Demsur, a adesão ao Refim pode ser feita até o dia 15 de julho deste ano, para quem tenha débitos vencidos até 31 de outubro de 2016. Para atender aos interessados, a Central de Atendimento do Demsur está funcionando sem intervalo para almoço, entre 7h30 e 17h. Os débitos podem ser refinanciados em até 50 meses, e o valor mínimo da parcela é de R$50 para pessoas físicas e R$100 para pessoas jurídicas. 

O Refim é uma ferramenta importante para as pessoas que querem quitar suas dívidas, mas não têm como fazer isso à vista ou com o valor total juros e multa. O Demsur informa que, mesmo com refinanciamento, o não pagamento da parcela única ou a falta de pagamento de uma das três primeiras parcelas, no caso de prestações, implica na rescisão do plano, voltando a dívida ao seu valor original, mas com o abatimento dos valores eventualmente pagos.

A partir de dois de maio, o Demsur vai começar a protestar os títulos dos devedores.

 

Confira abaixo os descontos a serem concedidos em cada situação:

- Parcela única: desconto de 100% nos juros e na multa;     

- Duas ou três parcelas: redução de 95% em ambos; 

- Entre quatro e seis parcelas: desconto de 90% sobre ambos; 

- De sete a nove parcelas: desconto de 85% para juros e multa; 

- De 10 a 12 parcelas: abatimento de 80% em juros e multa; 

- Entre 13 e 24 parcelas: redução de 75% da multa e de 50% dos juros; 

- De 25 a 36 parcelas: desconto de 70% sobre a multa e de 45% sobre os juros;

- De 37 a 50 parcelas: desconto de 65% na multa e de 40% nos juros.

 


Autor: Assessoria de Comunicação



Compartilhe: